Imprimir esta página

COM.TEC®

Separador celular designado para trabalhar em fluxo contínuo de processamento. Trata-se de um separador celular que realiza procedimentos de coletas de hemocomponentes (plaquetas, leucócitos, granulócitos, coleta de células tronco, etc) e procedimentos terapêuticos, entre ele a plasmaférese, eritocitaférese, leucaférese terapêutica entre outros. Os procedimentos são em geral, realizados através de punção venosa de dois acessos venosos (um para extração do sangue e outro para retorno do sangue).

O equipamento possui uma tela/display de controle, sensores e clamps de segurança, compartimento da centrífuga e cinco bombas (anticoagulante, sangue total, plasma, recirculação de plasma e coleta de células/ fuído de reposição), preparadas para desviar cada hemocomponente do sangue).

 Para assegurar a máxima segurança ao doador/paciente, a COM.TEC® possui dois sistemas de segurança. O primeiro sistema de segurança, é o “fail-safe technology” baseado em um hardware eletrônico, incluindo detector de ar, detector de vazamento de líquidos na centrífuga e monitoramento dos parâmetros de pressão das linhas de extração e retorno do sangue, bem como anticoagulação.

 O segundo sistema, monitora os volumes coletados para prevenir os excessos nos limites aceitáveis.

 O sistema “fail-safety” inclui um canal duplo para detecção de ar no sistema e prevenir o embolismo aéreo e os detectores de pressão para monitorar os acessos venosos. O detector de líquidos presente no interior do compartimento da centrífuga, e o detector de balanceamento asseguram um procedimento de operação suave e tranqüilo. A dosagem de anticoagulante é monitorado para prevenir situações de quantidade insuficiente ou demasiada de anticoagulante. O detector de Hemólise alerta em casos de falhas na separação ou hemólise.

 Para a plasmaférese, um sensor adicional identifica de presença de fluído de reposição assegura a presença de fluído de reposição na respectiva linha.

 Todo o sistema de segurança é designado para manter o separador celular dentro de um status de segurança tão logo qualquer condição de alarme seja detectada. Além disso, a COM.TEC® considera toda situação que não seja expressivamente identificada livre de alarme como um risco potencial à segurança e aciona o sistema de segurança. Esse acionamento do sistema de segurança para as bombas, fecha o clamp de retorno, reduza velocidade da centrífuga para reduzir o impacto da força de centrifugação e abre as linhas de solução salina para hidratar o doador.